Cachorros de Bikini

Não é um blog sobre cachorros e bikinis

Dia do Homem

Na ultima quarta-feira, também conhecida como 15 de Julho foi “comemorado” o Dia do Homem. Eu até poderia explicar o que me levou a colocar entre aspas o “comemorado”, mas um pensamento recorrente nubla minha cabeça e me impede de raciocinar o suficiente para construir meu argumento: Dia do Homem? Sério isso? Tem um Dia do Homem?

Eu não sou feminista, mas tenho a ligeira impressão de que uma data como essa só faria sentido se nossa sociedade fosse dominada por seres extraterrestres e o homem e a mulher ocupassem exatamente o mesmo papel na sociedade humana escravizada pelos aliens. Mas os alienígenas ainda não chegaram e nós ainda vivemos numa sociedade patriarcal que tem uma cultura muito sexista. Na minha cabeça ter um dia pra quem sempre ditou as regras do jogo não tem muita lógica.

Segundo as informações levantadas por mim através de uma pesquisa muito rasa feita em dois ou três links do Google, esse dia serve pra celebrar as contribuições que os homens deram à sociedade, provavelmente por que tudo que conhecemos foi feito pelo macaco conscientizar o homem sobre os cuidados com a sua própria saúde, já que homem não liga de ir pra médico, algumas outras bobagens e para lutar pelo direito dos homens. Essa última parte é tão nada a ver que não cabe nem comentar. Espero que eles estejam falando da licença paternidade que os homens tem em alguns países.

Mas a parte mais legal do Dia do Homem é o fato de ninguém dar a mínima importância pro Dia do Homem. Até o Dia do Amigo, que só ganhou projeção por causa do Orkut, parece mais coerente do que o Dia do Homem. Inclusive não creio que exista um ser humano que não tenha achado estranho a existência do Dia do Homem. Inclusive eu duvido muito que seja uma data conhecida por uma parcela grande da população. Por isso acho justo que comecemos a celebrar todos os dias que são sumariamente ignorados. Hoje, por exemplo, é 17 de Julho, Dia do Protetor das Florestas, que celebra a obra de grandes protetores da floresta como Chico Mendes, Dorothy Stang e o Curupira (sim, ele mesmo). Inclusive eu acho que esse dia é bem mais relevante que o Dia do Homem. Também é aniversário de David Hasselhoff e aniversário do falecimento de Billie Holiday, que eu não sabia que era mulher até um tempo desse. Nesse mesmo dia foi assassinado, juntamente com sua familia, o último czar da Rússia, Nikolai Romanov.

Compartilhe esse canino em traje de banho

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Anteriores

Ideias

Próximo

Contos de Segunda #7

  1. Ontem fui parabenizado pelo dia pelas colegas de trabalho e pela a excelentíssima.

    Quando você recebe um parabéns desse fica bem confuso de se reagir. Você não sabe se sorri, se agradece, se ri achando que é brincadeira.

    Mas como já diria James Brown, “It’s a Man’s, Man’s World”. A verdade é que a sociedade é dura com todos. Ninguém escapa incólume dela. A sociedade é um ser que devora gêneros.

    No fim do dia cheguei em casa em minha mãe me parabenizou pela data. Eu sustento a casa sozinho há algum tempo já. Quando ela veio até mim ela sorriu e disse que a data era importante sim.

    Para quem era homem de verdade. Quem assume suas responsabilidades, quem não se enverga sob o peso que é essa vida.

    Acho que aceitei um pouco melhor a data, então.

    🙂

  2. Há certos homens que merecem um dia especial comemorativo.
    Obrigada, Filipe.
    Até ler esse texto, eu achei que a coisa mais relevante que eu tinha visto sobre o dia do homem foi um tweet que dizia “fico pra morrer quando vejo que meu gênero é oprimido por uma classe que precisa de dia especial pra lembrar de lavar o pinto”.

Deixe uma resposta para #Santo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén